Regata Aratu-Maragojipe chega à sua 43ª edição

Regata Aratu-Maragojipe chega à sua 43ª edição

 

Um dos mais tradicionais eventos náuticos da América Latina, a Regata Aratu-Maragojipe, chega à sua 43ª edição tendo como cenário um belo cartão postal da Bahia. O evento, que conta com o apoio da Bahiatursa, é o mais importante do Brasil na categoria percurso e deve reunir 400 veleiros e mais de 1.800 velejadores. A competição tem início na próxima sexta-feira, dia 24, com cerimônia de abertura prevista para as 19h30 na sede do Aratu Iate Clube. As largadas acontecem no dia seguinte, sábado (25), a partir das 10h na Baía de Aratu, com competidores em mais de 20 classes diferentes. A festa de premiação ocorre no dia 25, as 21h na praça do Caijá, em Maragojipe.

O percurso da prova é de aproximadamente 32 milhas náuticas, o equivalente a 60 km, porém, o tempo para conclusão da rota varia entre 2h30 (embarcações mais velozes) e 7h (as mais lentas). Maragojipe fica no ponto de encontro do Rio Paraguaçu com o Rio Guaí, formando uma extensa região de lagamar, cercada por cerca de 30 km de manguezais de aproximadamente 30 metros de largura. Apresenta excelentes condições para o turismo náutico, contando, inclusive, com uma ponte de atracação para embarcações de grande porte.

Dentre os participantes estão confirmados grandes nomes do iatismo nacional como Torben e Lars Grael, além do Cruzeiro Costa Leste, presente nas edições de 2008 e 2010, formado por 70 embarcações e 300 velejadores procedentes da Argentina, Uruguai e de estados como Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Além das competições, outras ações, como a apresentação do Carnaval de Maragojipe, o IV Festival Gastronômico do Paraguaçu e shows de grupos musicais e folclóricos serão realizados com o intuito de promover as cidades sede da regata.

Origem

Nascida em 1969, com o nome de Regata de São Bartolomeu em homenagem ao santo padroeiro da cidade de Maragojipe, o evento tinha os tradicionais saveiros como principais embarcações nas competições. No decorrer dos anos, os veleiros de oceanos passaram a ser os protagonistas, ainda que os saveiros de vela de içar, hoje em extinção, dão grande beleza às competições.

Turismo Náutico

Atualmente o turismo náutico da Bahia conquistou reforços importantes para o seu desenvolvimento no Estado.  Além da desoneração fiscal, contará  nos próximos anos, com investimentos de R$170 milhões, que serão feitos pelo Governo da Bahia por meio da Secretaria de Turismo com recursos financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento para melhorar a infraestrutura na Baía de Todos-os-Santos. Os recursos irão para a melhoria e implantação de píeres, atracadouros e marinas.

 

Abaixo segue link para visualização e download das imagens.

Clique aqui

A Bahiatursa cede as imagens para fins promocionais, não comerciais, desde que citados a fonte e o crédito que constam no nome dos arquivos.

As imagens estão disponíveis para download por até 48h. Favor confirmar recebimento desta mensagem.

Deixe seu comentário

Redes Sociais


3ª Avenida, Nº 390, 2º andar Plataforma 4 - Ala Norte Centro Administrativo da Bahia - CAB. CEP: 41.745-005 (ver mapa) | Tel: +55 71 3115-6091