Realizada há mais de 300 anos, romaria de Bom Jesus da Lapa será destaque na Expocatólica

Romaria de Bom Jesus da Lapa Ba. Foto Rita Barreto - Setur (7)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Conhecida como a “Capital Baiana da Fé”, Bom Jesus da Lapa, abriga a terceira maior romaria do Brasil, que todos os anos atrai cerca de 300 mil turistas de diversos lugares do país para acompanhar a festa de Bom Jesus. Este ano, a romaria será realizada de 28 de julho a 6 de agosto e o potencial turístico do município, que fica a 902 quilômetros de Salvador, poderá ser conhecido durante a durante a ExpoCatólica, que acontecerá de 19 a 26 de julho, no Riocentro (Rio de Janeiro), durante a Jornada Mundial da Juventude.

A iniciativa de mostrar o potencial do turismo religioso na Bahia é da Secretaria do Turismo (Setur) e Bahiatursa, e a meta é aumentar a receita e o número de turistas de outros estados no segmento católico, já que o público predominante nos eventos religiosos da Bahia é formado pelos próprios baianos.

Realizada há mais de 320 anos, a manifestação religiosa recebe um número cada vez maior de romeiros que fazem da cidade um verdadeiro reduto de fé, no oeste baiano. O município banhado pelo Rio São Francisco é capaz de agradar a qualquer visitante sem nenhum esforço. Em um espetáculo de belas paisagens está o Morro do Bom Jesus, feito de calcário maciço, rodeado por grutas e dividido em galerias. O Santuário de Bom Jesus da Lapa é outro atrativo natural, com grutas e uma torre enorme do lado de fora, que possibilita uma visão geral da cidade. No santuário, encontra-se a imagem de Bom Jesus Crucificado, local onde os romeiros ajoelham-se para fazer as orações.

Praças, hotéis, pousadas, restaurantes e estacionamentos ficam completamente lotados por devotos que deixaram seus lares para se acomodar na cidade. A programação é marcada por missas no santuário, homenagens e procissões pelo circuito religioso da cidade. Os visitantes de diversos lugares do mundo participam de procissões pelas grutas que marcam o cenário de fé na cidade.

De julho a agosto ocorrem na cidade três grandes romarias católicas: a Romaria de Terra e Água, a de Bom Jesus e a de Nossa Senhora da Soledade. Os três eventos religiosos recebem cerca de 800 mil romeiros e visitantes, segundo dados da prefeitura local. Eles vão em busca de graças ou para agradecer benfeitorias recebidas por intercessão dos santos católicos. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Turismo a cidade chega a receber cerca de 1,5 milhão de visitantes durante o ano todo. A infraestrutura turística inclui cinco mil leitos para hospedar os visitantes, consolidando a cidade como um dos principais destinos do turismo religioso na Bahia.

Bahia na Expocatólica - A Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) e a Bahiatursa  participam da Expocatólica 2013 com um estande de 200 metros quadrados, no qual os visitantes encontrarão informações detalhadas sobre a Bahia como destino de turismo religioso, receptivo com baianas tipicamente trajadas e exposição de fotos. Atrativos como as igrejas do Bonfim, Rosário dos Pretos, Memorial Irmã Dulce e o Santuário de Bom Jesus da Lapa serão mostrados na feira, assim como manifestações como a Festa da Irmandade da Boa Morte, de Cachoeira, a Procissão do Fogaréu, de Serrinha, e a Romaria de Monte Santo.

Outra atividade que será promovida no estande da Bahiatursa é a exibição diária de filmes sobre algumas das mais importantes e famosas manifestações católicas encontradas no estado. As sessões acontecerão sempre às 15h, 17h e 19h, com documentários sobre a Festa de Santa Bárbara, Festa de Nosso Senhor do Bonfim e a Procissão do Nosso Senhor Bom Jesus dos Navegantes. Também haverá um ciclorama (painel fotográfico em três dimensões) para os visitantes da feira registrarem imagens como se estivessem à frente da Igreja do Bonfim ou em uma paisagem da Chapada Diamantina.

De acordo com estudo da Secretaria do Turismo da Bahia, os turistas que vão a eventos religiosos como a Festa da Irmandade da Boa Morte, em Cachoeira, e as romarias de Bom Jesus da Lapa são predominantemente de regiões da própria Bahia. Enquanto em Bom Jesus da Lapa a média de turistas de fora do território baiano é de apenas 30%, em Cachoeira o percentual é ainda menor, com cerca de 7%, segundo dados da pesquisa.

 Programação das romarias de Bom Jesus da Lapa

 28 de julho – Início do novenário dedicado a Bom Jesus

6 de agosto – Festa do Bom Jesus da Lapa (322 anos)

8 a 15 de setembro – Setenário e Festa de Nossa Senhora da Soledade

9 a 12 de outubro – Tríduo e Festa de Nossa Senhora Aparecida

27 de outubro – Romaria da Legião de Maria

29 de novembro a 8 de dezembro – Novenário e Festa da Imaculada Conceição

10 a 13 de dezembro – Tríduo e Festa de Santa Luzia

Como chegar: Partindo de Salvador, pela BR-324, sentido Feira de Santana, seguir até entroncamento da BR-242  continuar nesta mesma BR até Ibotirama, daí entrar na BA-160 passando por  Paratinga, deste ponto são 73km até a localidade. Para consultar as linhas de transportes intermunicipais basta acessar o site da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia:

(Agerba):www.agerba.ba.gov.br/transporte/duas_localidades.asp.

Deixe seu comentário

Última do Twitter

Palácio Rio Branco - Praça Thomé de Souza, S/N, Centro. CEP: 40.020-000 (ver mapa) | Tel: 55 71 3116-6814/6863