Projeto Taxista Amigo do Turista vai beneficiar 300 profissionais

A Secretaria Estadual do Turismo apresentou, nesta segunda-feira (24), o Projeto TaxistaAmigo do Turista, que vai beneficiar 300 profissionais de Salvador e Região Metropolitana

O objetivo é aperfeiçoar a qualidade do serviço, sobretudo para megaeventos como a Copa  Foto: Setur/ Divulgação

A Secretaria Estadual do Turismo apresentou, nesta segunda-feira (24), o Projeto TaxistaAmigo do Turista, que vai beneficiar 300 profissionais de Salvador e Região Metropolitana, com cursos de qualificação voltados para idiomas (inglês e espanhol), atendimento ao público, conhecimentos sobre destinos turísticos e história local, além de módulos de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes no âmbito turístico e noções de acessibilidade.

O projeto prevê uma série de atividades e a distribuição de “Kits de Conhecimento” – CDs e DVDs com aulas de inglês e espanhol, mapas de pontos turísticos, dentre outros. O objetivo é aperfeiçoar a qualidade do serviço, sobretudo para megaeventos como a Copa do Mundo, quando são esperados 70 mil turistas estrangeiros para Salvador.

Durante o encontro, que reuniu dezenas de taxistas e representantes de cooperativas de táxis de Salvador e Região Metropolitana como Saltur, Comtas, Coometas, Elite Táxi e Coopteletaxi, o secretário do Turismo, Pedro Galvão, ressaltou a importância dos profissionais para o setor. “São os taxistas que passam as primeiras impressões para os turistas, e nós queremos que eles deem bons cartões de visita da Bahia para aqueles que vêm à nossa terra”, disse.

O chefe de gabinete da Setur, Benedito Braga, destacou a importância dos taxistas atuarem em parceria com os profissionais do Disque Bahia Turismo, call center voltado para o receptivo turístico. “Através do 71 3103-3103, eles podem tirar dúvidas e colocar o turista em contato com os nossos atendentes, para oferecer um bom atendimento e ter garantida a satisfação.

Cássia Magalhães afirmou que a capacitação dos profissionais será iniciada em março, com um seminário que marcará o início do projeto. Ao final dos cursos, os taxistas receberão o selo de Amigo do Turista, que foi autorizado pela Getaxi, órgão municipal de gestão do serviço em Salvador.

Otimismo – Os profissionais acreditam que a qualificação profissional vai auxiliá-los e apostam no aprendizado de um segundo idioma para fidelizar a clientela. “Falar um idioma faz a diferença em qualquer categoria, e a diferença desse curso oferecido pela Secretaria do Turismo é que haverá aulas presenciais, com um professor para tirar as nossas dúvidas”, aposta Jefferson Villas Boas.

Claudio Brito disse que o maior desafio é reservar um tempo para assistir às aulas, mas que há a clara disposição dos profissionais para melhorar a qualidade do serviço.

Deixe seu comentário

Redes Sociais

Palácio Rio Branco - Praça Thomé de Souza, S/N, Centro. CEP: 40.020-010 (ver mapa) | Tel: +55 71 3116-6814/6863