Gerônimo, Saulo, Filipe Escandurras e Olodum fizeram a festa do folião pipoca no domingo

Gerônimo  Foto: Sidney Rocharte/Bahiatursa

Gerônimo Foto: Sidney Rocharte/Bahiatursa

O samba-reggae do Olodum, o suingue e balanço de Gerônimo e o carisma de Saulo deram o tom entre as atrações patrocinadas pela Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa) que desfilaram ontem (26) nos circuitos Dodô (Barra) e Osmar (Avenida).

Foi uma tarde/noite memorável,  fazendo valer a fama do domingo como um dos dias mais animados da folia. Banda duas medidas, Edgard Escandurras e Yago e Juliano completaram a grade de atrações do carnaval pipoca do Governo da Bahia.

No Campo Grande, Saulo, que volta a desfilar nesta segunda-feira no circuito Osmar, agradeceu ao governo baiano a oportunidade de poder mais uma vez animar o carnaval pipoca. Uma multidão seguiu o cantor ao som de sucessos como Agradecer, Preta, Erê de Dois e Raiz de Todo o Bem.

Saulo abriu caminho para a passagem de Felipe Escandurras que, com um colete e um chapéu tipo marinheiro, arrastrou o folião em bloco sem cordas ao som de Vai que Cola e Doce.

Gerônimo já é uma tradição com sua banda Monte Serrat, de estilo inconfundível. Entrou no Campo Grande ao som de frevos e marchinhas cantando músicas como A Filha da Chiquita Bacana, Bate Macumba, Balança o Saco, Corre, Corre, Lambretinha, Faraó e inúmeros sucessos baianos.

A banda Duas Medidas, cumprindo maratona de 11 shows no Carnaval,  chegou com a música Paredão das Amigas. O cantor Lincoln Sena disse que se sentia honrado por desfilar no Campo Grande. “Sair sem cordas é fazer parte da história do Carnaval da Bahia”, completou.

No circuito Dodô, o Olodum cumpriu a maratona de apresentações com sua inconfundível batida de samba-reggae, ritmo que completa 30 anos. O Carnaval da Bahia promovido pelo governo do estado patrocinou ainda a apresentação da dupla Yago e Juliano no Barra/Ondina. Além de Saulo estão previstas para esta segunda-feira atrações como Baby do Brasil, Vingadora, Carla Cristina e Reipeite as Mina.

O superintendente Diogo Medrado disse que a Bahiatursa fez todo o esforço, atendendo à solicitação do governador Rui Costa, para proporcionar um Carnaval dos mais animados para o folião pipoca, satisfazendo os mais diversos gostos. “Tudo foi pensado no sentido de dar mais agilidade aos desfiles, sempre incentivando o espírito democrático, que deve prevalecer em uma festa como o Carnaval”, acrescentou.

 

 

Deixe seu comentário

Última do Twitter

Palácio Rio Branco - Praça Thomé de Souza, S/N, Centro. CEP: 40.020-000 (ver mapa) | Tel: 55 71 3116-6814/6863