Elba Ramalho no último dia do São João da Bahia

Cantora se apresenta no domingo, dia 24, no palco do Terreiro de Jesus, no Pelourinho

Elba Ramalho  Foto: Elói Corrêa/ GOVBA

Elba Ramalho Foto: Elói Corrêa/ GOVBA

Depois de ser coroada Rainha da Música Nordestina, no Troféu Gonzagão, edição 2018, de ter gravado um CD com diversos outros nomes do forró, e estar prestes a lançar um álbum dedicado ao ritmo, Elba Ramalho reforça o objetivo do Governo do Estado em valorizar o forró no São João da Bahia. A artista foi confirmada pela Bahiatursa para o domingo, dia 24 de junho, para o palco do Terreiro de Jesus.

Com programação entre os dias 22 e 24 de junho, o São João da Bahia terá festa no Centro Histórico no Largo do Pelourinho, Terreiro de Jesus, Cruzeiro de São Francisco e praças Tereza Batista, Quincas Berro d’Água e Pedro Archanjo, além de Paripe, no Subúrbio Ferroviário de Salvador.

“Elba coroa uma programação que ainda contará com Geraldo Azevedo no sábado, 23. Além destes palcos, também vamos resgatar as nossas tradições com o campeonato de quadrilhas em Periperi e a decoração com elementos juninos, sem falar no apoio às festas nas cidades do interior”, disse o superintendente Diogo Medrado.

Elba deve apresentar seus clássicos como De Volta Pro Aconchego, Bate Coração, Asa Branca, Banho de Cheiro, Eu Só Quero Um Xodó, Tenho Sede e Na Base da Chinela. A cantora também deve apresentar músicas de Dominguinhos, já que foi considerada uma das grandes interpretes do sanfoneiro, gravando mais de 30 canções do artista.

A artista – Prestes a completar 40 anos de carreira, a cantora, que já atuou como atriz, é considerada um dos maiores nomes da musica nacional, tendo vendido mais de dez milhões de discos. Gravou mais de 30 álbuns, sendo interprete de compositores como Chico Buarque, Djavan, Caetano Veloso, João Bosco, Belchior, Gilberto Gil, Raul Seixas, Carlinhos Brown, Jackson do Pandeiro, Alceu Valença, Lenine, Luiz Gonzaga, Zé Ramalho e Geraldo Azevedo.

Recebeu o o prêmio de Melhor Show do Ano, da Associação de Críticos de Arte de São Paulo, em 1989, pelo espetáculo Popular Brasileira, e em 1996 com Leão do Norte. Foi bicampeã do Grammy Latino com os álbuns Qual o Assunto Que Mais lhe Interessa?(2008) e Balaio de Amor  (2009), na categoria Melhor Álbum de Música Contemporânea Regional ou de Raízes Brasileiras.

 

Deixe seu comentário

Redes Sociais

Palácio Rio Branco - Praça Thomé de Souza, S/N, Centro. CEP: 40.020-010 (ver mapa) | Tel: +55 71 3116-6814/6863