Bahiatursa implanta Operação Até Logo na despedida dos turistas do Carnaval de Salvador

Baianas distribuem fitinhas do Bonfim e convidam turistas para o São João Foto: Rita Barreto/ Bahiatursa

Baianas distribuem fitinhas do Bonfim e convidam turistas para o São João Foto: Rita Barreto/ Bahiatursa

“Queremos que o turista retorne a Salvador, por isso temos que dizer até logo”. Com esta declaração o presidente da Bahiatursa, Diogo Medrado, iniciou a ação de despedida dos turistas que brincaram o Carnaval em Salvador e ao mesmo tempo lançou a campanha de captação de mais visitantes para o São João da Bahia.

Batizada de Operação Até Logo, para Diogo Medrado, a ação da Bahiatursa é mais uma forma de agradecimento. “Queremos o turista de volta e por isso distribuímos folhetos dizendo ‘Nos vemos em breve no São João, a maior festa regional do Brasil’”, afirmou e disse que o convite é extensivo ao Carnaval de 2016.

Baianas distribuindo fitinhas do Senhor do Bonfim com marca-textos e dois totens com figuras típicas da Bahia para que os turistas tirem fotos compõem o ambiente do embarque nacional e internacional do Aeroporto de Salvador, nesta  Quarta-feira de Cinzas. A Operação Até Logo continua até domingo (22) com a previsão de alcançar cerca de 25 mil turistas.

A Enfermeira Maria Aparecida, de Goiânia, era só alegria. Acompanhada das amigas Tânia e Sonia, também enfermeiras, que pela primeira vez vieram a Salvador, ela disse que não saíram em bloco porque muitos deles são caros. “Mas pulamos atrás do trio de Bell. É coisa de arrepiar”, disse Aparecida.

A enfermeira contou que foi convidada pelas baianas e vai voltar para “dançar o suingue do forró da  Bahia”, tendo  à mão um marca-texto com uma fita do Senhor do Bonfim e a informação: “A fitinha do Bonfim é um amuleto baiano de sorte. Segundo a tradição, você deve amarrá-la com três nós  e fazer  três pedidos. Quando a fita cair naturalmente, seus pedidos serão atendidos. Boa sorte. Axé pra você”.

O guia turístico Wanderley Duarte achou ótimo o incentivo da Bahiatursa ao folião pipoca, “porque dá mais oportunidade ao povo”, disse ao embarcar o inglês Paul Maurice, que pela primeira vez  veio para o Carnaval de Salvador e pulou como folião pipoca.

Deixe seu comentário

Redes Sociais

Palácio Rio Branco - Praça Thomé de Souza, S/N, Centro. CEP: 40.020-010 (ver mapa) | Tel: +55 71 3116-6814/6863