Bahia apresenta diversidade turística no Peru

Os principais destinos baianos estão sendo apresentados para mais de 700 operadores e agentes de viagem na capital peruana, Lima, durante o III Workshop Brasil Destino Sensacional que acontece hoje (28).
Com a intenção de fomentar o fluxo turístico e de negócios para os dois países, a Embaixada do Brasil promove em parceria com o Comitê Descubra o Brasil (CDB) capacitações para profissionais do setor que comercializam estes destinos. Mais de 20 Estados estiveram presentes na rodada de negócios realizada pela manhã, e a programação se estende pela tarde com as apresentações.
“Batemos recorde de inscrições, foram 700 agentes e operadores inscritos, isso se deve a procura dos peruanos pelo Brasil e pela Bahia, pois eles se interessam muito por cultura e turismo de sol e praia. O poder aquisitivo dos peruanos cresceu. O país saiu de uma taxa negativa de viagens para 90 mil viajantes. A classe média peruana está gastando em média 100 dólares no destino”, explica Eduardo Ferreira, diplomata e secretário da Embaixada do Brasil no Peru.
Segundo, Ximenas Bastías, presidente do CDB, os peruanos passaram a se interessar muito mais pelo Brasil depois que as ações de promoção dos destinos brasileiros foram intensificadas. “Passamos a divulgar os produtos para o público profissional em eventos como este workshop e também para o público final. Em setembro teremos um balcão num shopping center para mostrar os encantos da Bahia”, ressalta.
O secretário de Turismo da Bahia, Domingos Leonelli, enxerga o mercado peruano promissor e luta pela conquista de um voo regular e direto. ” Nosso objetivo continua sendo o voo. Temos fluxo do Peru para a Bahia e da Bahia para o Peru”, finaliza.
Marcelo Pedroso, diretor de Mercados Intenacionais da Embratur disse que a estratégia é ampliar os destinos turísticos no mercado peruano, consolidando uma ferramenta fundamental que é o treinamento dos agentes de viagem. “O Peru possui hoje voos diretos para 4 estados brasileiros , mas buscamos mais. Temos um programa de incentivo a captação de voos charters. Os Estados que não possuem voos diretos podem apresentar projetos para promoção destes voos, para isso a Embratur destinou R$ 8 milhões que serão repartidos entre os Estados”, esclarece.

O mercado peruano
Em 2011 o Brasil recebeu 86.975 turistas peruanos, um aumento de cerca de 7% em relação a 2010, número que classificou o país como o 13º maior emissor de turistas para o Brasil. Atualmente, 46 voos semanais ligam o Peru ao Brasil, uma malha aérea diversificada com opções de voo para São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Foz do Iguaçu.

Departamento de Comunicação da Bahiatursa
Tel.: 55 (71) 3117 3031
28/08/2012
decom@bahiatursa.ba.gov.br
www.bahia.com.br

Deixe seu comentário

Redes Sociais


3ª Avenida, Nº 390, 2º andar Plataforma 4 - Ala Norte Centro Administrativo da Bahia - CAB. CEP: 41.745-005 (ver mapa) | Tel: +55 71 3115-6091